Garra usada em Chernobyl se torna objeto letal

O especialista em radiação Rob Maxwell encontrou as máquinas ultra-radioativas em uma turnê de Pipryat, na Ucrânia, em 2011. Ele diz que a garra enferrujada foi usada para limpar a grafite radioativa do núcleo destruído da usina há 33 anos, um guia privado levou-o para ver seu local de descanso , o especialista rob Maxwell concluiu que o objeto é potencialmente letal.

Artigos Relacionados