'Ilha fantasma' confunde finlandeses - falha no matrix?

A Guarda Fronteiriça finlandesa na região da Lapónia publicou a imagem de um fenômeno insólito. A foto mostra uma grande massa terrestre se erguendo no centro do lago Inari.

"A nova ilha se ergueu em frente de Papinsaari [distrito da cidade finlandesa de Turku]". A patrulha de Ivalo [vila na Lapónia] registrou esse fenômeno nas câmeras quando estavam 25 graus negativos", escreveu um guarda fronteiriço da Lapónia.

A Finlândia não se destaca por terremotos ou atividades vulcânicas que poderiam explicar tal mudança brusca do terreno ou surgimento de novas formações rochosas.

no twitter: Às vezes é raro para Lagos Inari ser capaz de ver a miragem. Uma nova ilha surgiu no primeiro plano de Papinsaari. Ivalon patrulha tem o fenômeno capturado pela câmera em Bright-25C clima gelado. #ivalonraja #inarinjärvi


O fenômeno, batizado de "ilha fantasma", causou sensação na mídia finlandesa e os internautas rapidamente apresentaram possíveis explicações do enigma, desde "falhas na Matrix" até "photoshop". Porém, alguns deles ressaltaram de forma mais racional que lá nunca houve nenhuma ilha e que o fenômeno foi uma simples miragem.

A imagem da "ilha" foi causada pela luz que passa através das camadas atmosféricas e que reflete paisagens distantes, confundindo tanto uma pessoa a olho nu como uma lente óptica.

Se as camadas de ar são da mesma temperatura, a luz viaja através delas em linha reta. No entanto, se houver um gradiente de temperatura estável, a luz seguirá uma trajetória curva em direção ao ar mais frio.

As miragens aparecem com mais frequência no clima quente, durante um dia ensolarado, em superfícies planas, por exemplo, no deserto, mas as miragens de inverno não são raras e parece ter sido precisamente este o caso.

Galeria do Artigo

Artigos Relacionados